Na escola do Espírito Santo | Boletim do Patrocinador | Certeza da Vitória

Na Escola do Espírito Santo – 19

Restauração
1 de janeiro de 2021
Prosperidade
1 de janeiro de 2021
Exibir tudo

BÊNÇÃOS QUE NOS PERTENCEM

Aprender sobre as bênçãos que nos pertencem nos ajudará a viver e a fazer melhor a obra confiada pelo Senhor. Então, vamos estudar esse assunto na Palavra.

BÊNÇÃOS QUE EXCEDEM – Jacó abençoou seus filhos, fazendo declarações particulares a cada um deles. Porém, ao chegar a vez de José, disse algo que somente este receberia: As bênçãos de teu pai excederão as bênçãos de meus pais, até à extremidade dos outeiros eternos; elas estarão sobre a cabeça de José e sobre o alto da cabeça do que foi separado de seus irmãos (Gn 49.26). Do mesmo modo, quando vamos abençoar uma pessoa, temos de sentir do Senhor quais palavras utilizar. Não basta colocar as mãos sobre ela e invocar tal dádiva, e sim profetizar aquilo que seremos autorizados a lhe dar. Deixe Deus usar você conforme Lhe apraz. Ele é o Senhor da bênção. 

BÊNÇÃOS QUE NOS ALCANÇARÃO – E todas estas bênçãos virão sobre ti e te alcançarão, quando ouvires a voz do SENHOR, teu Deus (Dt 28.2). Vale a pena ler até o versículo 15, pois o texto bíblico fala do que aconteceria no tempo da Lei para quem ouvisse a voz do Altíssimo. Ora, hoje, vivendo na graça de Deus, temos essa mesma garantia, porque damos atenção às Escrituras. Mas, infelizmente, a mensagem negativa ouvida em toda parte priva muitos indivíduos de se apropriarem das maravilhas divinas. Só há um modo de receber a fé que habitou em Jesus: ouvir as instruções dEle na Palavra. Ele nos ensina o Caminho a ser seguido e nos guia com Seus olhos (Sl 32.8).

BÊNÇÃOS PARA OS REIS – Pois o provês das bênçãos de bondade; pões na sua cabeça uma coroa de ouro fino (Sl 21.3). Quem nasce de novo – ao aceitar Jesus como Salvador – passa a ser, por intermédio dEle, rei e sacerdote para Deus e seu Pai (Ap 1.6). Temos de nos alegrar na força do Senhor e na salvação providenciada por Cristo, regozijando grandemente. Ele cumpre o desejo do nosso coração e nunca deixará de responder às nossas súplicas (Sl 21.1,2). Agora, eis a pergunta: você recebe esse tipo de atendimento? Se Deus não o tem usado como deseja, entregue-se mais a Ele. Vigie e ore!

RELATE AS BÊNÇÃOS – Os salvos precisam contar as dádivas derramadas pelo Pai diariamente sobre a vida de quem Lhe serve em espírito e em verdade: A minha boca relatará as bênçãos da tua justiça e da tua salvação todo o dia, posto que não conheça o seu número (Sl 71.15). Os filhos de Deus se alegram e sempre tem algo a dizer a respeito do que o Senhor lhes tem feito. Porém, aqueles que se alimentam de vento (Os 12.1) vivem tristes, amargurados, e isso leva o Altíssimo a Se entristecer muito.

A VANTAGEM DOS JUSTOS – Bênçãos há sobre a cabeça do justo, mas a violência cobre a boca dos ímpios (Pv 10.6). Quem foi salvo e pratica a justiça tem sobre sua cabeça uma variedade de bênçãos; por isso, deve ser um despenseiro fiel de tudo o que o Salvador providenciou na Sua morte em favor de todos, salvos ou não. O Exemplo maior foi citado por Pedro: Como Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com virtude; o qual andou fazendo o bem e curando a todos os oprimidos do diabo, porque Deus era com ele (At 10.38).

A RECOMPENSA DOS FIÉIS – O homem fiel abundará em bênçãos, mas o que se apressa a enriquecer não ficará sem castigo (Pv 28.20). A fidelidade é uma das obras realizadas pelo Espírito Santo no cristão, e ela será vista por todos, pois a vida dele será abundante. Muitos salvos são fiéis à igreja, e isso é louvável, mas, primeiro, deveriam ser fiéis ao Senhor. Assim, conseguiriam uma medida maior de fidelidade. Agora, quem se apressar a ser reconhecido como alguém usado por Deus, procurando a glória para si e não ao Senhor, será castigado. Seja sábio e alegre o coração do Pai (Pv 23.15).

BÊNÇÃOS AMALDIÇOADAS – É incrível, mas as bênçãos que tocam a sua vida podem se tornar maldição. Assim disse o Altíssimo: Se o não ouvirdes e se não propuserdes no vosso coração dar honra ao meu nome, diz o SENHOR dos Exércitos, enviarei a maldição contra vós e amaldiçoarei as vossas bênçãos; e já as tenho amaldiçoado, porque vós não pondes isso no coração (Ml 2.2). Como sacerdotes feitos para o Pai, precisamos ouvi-Lo e propor em nosso coração dar honra ao Nome dEle. Cuidado!

AS BÊNÇÃOS DE DAVI – E que o ressuscitaria dos mortos, para nunca mais tornar à corrupção, disse-o assim: As santas e fiéis bênçãos de Davi vos darei (At 13.34). Ressuscitado na mesma hora em que Jesus o foi, o salvo deve entender que não compensa sair da presença de Deus e cair de novo em pecado. Deus nos incluiu no plano que Ele cumpriu em Jesus, tirando-O do mundo dos mortos, para sermos santos. Naquele momento, o Senhor nos alcançou com todas as boas e maravilhosas bênçãos conquistadas pelo Salvador. Porém, se voltarmos ao chiqueiro do diabo, nós as perderemos, e muita falta nos farão. O remédio é arrepender-se (At 3.19).

TODAS AS BÊNÇÃOS – Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo (Ef 1.3). A Igreja de Cristo ainda não entendeu o que pertence a ela. A declaração de Paulo nos revela que já fomos abençoados com todas as bênçãos. Quem acordar para esse fato e viver na presença do Pai, como Jesus vivia entre nós, desfrutará delas e será um varão completo. Que Deus lhe dê a iluminação necessária, pois o mundo precisa de servos fiéis: Pelo que todos quantos já somos perfeitos sintamos isto mesmo; e, se sentis alguma coisa doutra maneira, também Deus vo-lo revelará (Fp 3.15).

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *